18/03/2016

Resenha: A Espada do Verão


Autor(a): Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 439
Ano: 2015
Classificação: ✰✰✰✰
“Meu nome é Magnus Chase. Tenho dezesseis anos. Esta é a história de como minha vida seguiu ladeira abaixo depois que eu morri.”
E é com esse quote maravilhoso que começamos a resenha do primeiro livro de Magnus Chase e os Deuses de Asgard

Sou uma fã assumida de Percy Jackson e do Rick Riordan, então, eu posso ser um pouco suspeita para falar desse livro! Ele segue a conhecida linha semideus-que-não-sabia-que-era-filho-de-um-deus-e-precisa-salvar-o-mundo, mas apesar disso, o livro não ficou repetitivo e cansativo para quem já leu os outros livros do tio Rick. 

A história começa dois anos após um trágico acidente que matou a mãe de Magnus. Sem ter para onde ir, ele começa a morar na rua. Um belo dia, seu amigo morador de rua, Blitz, o acorda dizendo que tem gente procurando por ele. Magnus acaba encontrando o tio que vive evitando, descobre que é filho de um deus nórdico, ganha a missão de achar a espada de seu pai, enfrenta um vilão poderoso e morre. Tudo isso antes da metade do livro! Não, eu não estou brincando. Isso realmente acontece! Talvez, você esteja pensando: Mas se ele morreu, o que terá no resto do livro? A história continua. Ele precisa impedir o Ragnarök - Juízo Final - do mesmo jeito. E você aí achando que quando morresse seus problemas iam acabar... 

Loucura, não é? Pois é exatamente isso que dá o toque especial a história. Magnus faz vários comentários sarcásticos e narra como se estivesse conversando com o leitor. Os nomes dos capítulos são super engraçados e a história ainda faz várias referências a coisas atuais do nosso dia a dia. Diversão garantida!

É claro que além de entreter, Rick adora nos dar umas aulinhas sobre mitologia. Como não conhecia muito a nórdica, foi bem confuso no início. Tive que visitar o glossário que vem no final do livro várias e várias vezes, mas saí entendendo um pouco mais do assunto e acho que o próximo - que lança no final do ano - será mais fácil de ler!

Já leram o livro? O que acharam? Deixem sua opinião nos comentários ;)

8 comentários:

  1. Oi,
    Adoro os livros do Rick e estou ansiosa para comprar esse novo dele. Como você também não conheço muito de mitologia nórdica mas acho que vou aprender demais lendo o livro.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raquel. Com certeza você irá aprender muito com esse livro e ainda verá a diferença desse Thor para o da Marvel.

      Beijos :*

      Excluir
  2. Não conhecia o livro, mas a resenha é ótima e me despertou a curiosidade :)
    Amei o blog e já estou seguindo :D
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo comentário, elogio e por seguir o blog! *-*

      Beijos :*

      Excluir
  3. Eu não conhecia este livro do tio Rick :( Mas amo os livros dele. Não terminei todos ainda, mas sou super fã. E com essa resenha, tendo conhecimento que agora se trata de mitologia nórdica, eu super quero ler!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tem esse da mitologia nórdica e tem o da mitologia egípcia também, mas a maior parte só conhece Percy Jackson. Vai lançar esse ano um livro sobre o deus Apolo ;)

      Fico feliz em saber que gostou da resenha e se interessou pelo livro *-*

      Excluir
  4. Oi Jé!
    Eu li Magnus também, e achei muito legal! Mal posso esperar para ver mais dele e da Annabeth, rs, no próximo livro, O Martelo de Thor. Acho que, em partes, o Magnus é até mais legal que o Percy, mas claro, o Percy é o PERCY.
    Fiquei bem feliz de ver o Rick escrever mitologia nórdica também! Sério, ele é incrível!
    Beijos,

    http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Rê. Magnus é mais legal, mas Percy é Percy hahahahaha

      Beijos :*

      Excluir

Link do seu blog - créditos

Tema Base por Butlariz